JESUS É O SENHOR DO SEU ROMANCE?

Será que Jesus Cristo é o autor do seu relacionamento?

5661
visualizações
JESUS É O SENHOR DO SEU ROMANCE?
4 (80%) 1 voto

Hoje é Natal! Embora muito provavelmente Jesus não tenha nascido no dia 25 de dezembro, todo dia é dia de falar do real sentido dessa data comemorativa: o nascimento do nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. Infelizmente, muitos dos que se dizem cristãos só querem ter Jesus como Salvador, e não como o Senhor de suas vidas. Desejam a bênção da salvação, mas não o compromisso da submissão; buscam primeiramente fazer a própria vontade e exigem que o Senhor abençoe a escolha deles. No entanto, você, como cristão, deve fazer justamente o contrário: sempre pedir orientação a Ele antes de tomar decisões relevantes. E é sobreisso que falaremos neste artigo: a importância do senhorio de Jesus Cristo na orientação da sua vida – inclusive a afetiva!

A Bíblia diz: “Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. Enão vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para queexperimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus” (Romanos 12.1,2).
Se você é solteiro e está à espera deum amor verdadeiro, há questões interessantíssimas de que precisa saber – e isso sob a perspectiva de Deus – para evitar sofrimentos e traumas emocionais. Aqui falaremos sobre três dessas verdades, as quais já abordamos em nossos textos ao longo do ano e consideramos muito importantes para o momento pelo qual você, provavelmente, esteja passando. Medite nisto:

1. UMA PESSOA DE DEUS PODE NÃO SER DE DEUS PARA A MINHA VIDA. É possível você encontrar/conhecer uma pessoa queseja realmente de Deus e, ao se interessar por ela e orar ao Senhor por isso, descobrir que ela não é para você, mas, sim, para outra pessoa. Pois é, que “decepção”! Falo isso porque já tive essa experiência quando eu era solteiro. Cheguei a questionar: “Senhor, há tanto tempo busco agradá-Lo, me santificando e buscando alguém especial para o namoro… e, quando encontro, o Senhor me mostra essa pessoa com outro? Eu não sou um homem de Deus, não? O que está errado em mim?”. E aí ouvi a voz de Deus me respondendo: “Filho, realmente você tem buscado me agradar. Mas entenda: não existe só um homem, só uma mulher de Deus. Eu criei Meus filhos para que se cumpram os propósitos do Meu Reino na vida de cada um”.

Confesso que, quando me levantei em oração, fiquei um pouco triste por desistir da menina de quem eu estava gostando, mas, ao mesmo tempo, fiquei muito feliz por saber que Deus estava me conduzindo nos propósitos dEle!

2. GOSTAMOS UM DO OUTRO, MAS DEUS DISSE “NÃO”.
Talvez você conheça uma pessoa que também esteja interessada em você,mas, ao colocar(em) essa questão em oração, Deus lhe(s) responde que vocês não devem ir adiante nessa história. Isso TAMBÉM aconteceu comigo. Daí, falei a Deus: “Mas essa menina é tão bonita e comprometida com o ministério… euquero essa!”. E qual foi a resposta dEle? “Você quer ter uma vida sentimental abençoada e feliz? Ou não? Se você quer tanto essa moça, sofrerá novamente!”. Pois bem, essas palavras pareceram muito severas, mas me livraram de uma cilada! Sabe o que aconteceu com essa menina de “Deus”, tão bonitinha? Ela se desviou! Portanto, é preciso confiar em Deus e obedecê-Lo, mesmo quando Ele diz “não”; afinal Ele não vê a vida como nós vemos.

3. AINDA NÃO GOSTO TANTO DESSA PESSOA, MAS DEUS DISSE “SIM”.
O oposto ao que escrevemos no item 2 também pode acontecer. Quando eu era solteiro, confesso que tinha medo de que a pessoa de Deus para a minha vida fosse alguém de quem eu não gostasse. Creio também que essa é a dúvida de muitos solteiros cristãos. Mas, naverdade, Deus nunca vai orientar você a iniciar um namoro com uma pessoa por quem você não desenvolva um amor de verdade. O que pode acontecer é você conhecer alguém por quem não tenha tanta atração, mas, com o tempo, o Espírito Santo transformar e amadurecer tudo o que você sentepor ela – a ponto de você querer, sim, um relacionamento saudável com essa pessoa. É Deus quem opera em nós tanto o querer quanto o realizar. Ele sabe o que é melhor para nós!

Bem, chegamos ao fim de mais um ano, durante o qual muitos leitores me escreveram contando-me suas experiências e angústias vividas em namoros sem sucesso. Quero dizer que não tenho a pretensão de substituir o aconselhamento de sua liderança espiritual local; de modo algum! Mas, aliado a ele, também incentivo você, leitor, a continuar interagindo comigo. Sinta-se à vontade para me escrever, pelo e-mail [email protected], e farei o possível para responder-lhe o quanto antes. Conte-me sua experiência para que, por meio dela, outras pessoas possam ser edificadas.Até a próxima!

Escritor: Marco Aurélio

Encurtador de link: http://bit.ly/2i7Bwpw